Titan fecha as portas

Titan fecha as portas

Organização enfrenta problemas financeiros

Ativa desde 2013, a Titan.org está fechando as portas. A notícia foi divulgada por Damien Grust, CEO e fundador, no website da equipe. Baseada em Cingapura, a organização mantinha equipes de diversos jogos, mas era reconhecida pela line-up de CS:GO, ex-VeryGames, que estava com a Titan desde fevereiro de 2014.

O principal motivo apontado pelo fim da organização é financeiro. Segundo a publicação, "patrocinadores recuaram em seus contratos em 2015, pois não queriam estar associados a uma organização que estava manchada". Isso se deu por conta do famoso caso do banimento de Hovik "KQLY" Tovmassian, proibido de atuar em partidas competitivas por conta do uso de hacks.

Equipe está disputando a StarSeries 2016 sob a tag KappaTitan fecha as portas | Foto por: HLTV.org

"Patrocinadores e parceiros que estavamos prontos para assinar, recuaram com razão dos acordos, pois não queriam estar associados com uma empresa que havia sido manchada. Obviamente, nosso orçamento de 2015 sumiu de um dia para o outro", afirmou Grust. "Isso significa que hoje, a Titan está fechando as portas e todos os jogadores e funcionários estão soltos nesse belo mundo do e-Sports. Nosso time de CS:GO com certeza achará uma casa que seja digna de sua lealdade e determinação", finalizou.

A atual line-up de CS:GO conta com Adil "ScreaM" Benrlitom, contratado pela equipe após o pagamento da multa recisória de U$ 150 mil, estipulada em seu antigo contrato com a Gamers2. Além dele, outros jogadores chamam a atenção, como a lenda do CS:S, Cédric "RpK" Guipouy.

Os jogadores estão atualmente em Minsk, Bielorússia, onde disputam a StarSeries Finals 2016. Em seu Twiter, ScreaM afirmou que a line-up não irá se separar e que mais novidades serão divulgadas em breve.

A agora ex-Titan fica assim:

 Kévin "Ex6TenZ" Droolans
 Adil "ScreaM" Benrlitom
Cédric "RpK" Guipouy
 Richard "shox" Papillon
 Edouard "SmithZz" Dubourdeaux 

Comentários